DANÇA DE RODA - Danças Circulares Sagradas ou dos Povos

As danças circulares são, em sua maioria, danças folclóricas de diversos povos. São consideradas uma meditação em movimento, e têm diferentes objetivos, tanto terapêuticos, com benefícios mentais e físicos, quanto como atividade de relaxamento, diversão e integração de grupos. Ao trabalharem o equilíbrio entre o individual e o coletivo estimulam as atitudes cooperativas e o respeito às diferenças, já que a roda precisa de todos para acontecer e cada um tem seu tempo de aprender.

Aqui você encontrará mais informações sobre elas, além de agenda de cursos e de eventos relacionados.

Além das rodas nos parques, oferecemos também

Consultoria para Empresas e Instituições

Atuamos junto a empresas e instituições, utilizando as Danças Circulares com o objetivo de desenvolver e estimular competências e habilidades fundamentais para o ótimo desempenho de funcionários e gestores, entre elas:

* atitudes cooperativas;
* capacidade de trabalhar em grupo;
* liderança;
* criatividade.

Consulte-nos para que possamos desenvolver um programa personalizado para seus funcionários ou colaboradores.



Grupos regulares

Em condomínios, clubes ou academias.
Aulas em grupo, no mínimo 10 e no máximo 30 pessoas por turma.
Uma vez por semana, aula com 1:00 h. de duração, no período da manhã ou tarde.

Local: a combinar.
Para mais informações, entre em contato conosco.

sábado, 19 de dezembro de 2009

Danças de Natal no PET Anália Franco (antigo CERET)

No dia 15 de dezembro estivemos focalizando algumas danças de Natal no Parque Esportivo do Trabalhador Anália Franco. Veja as fotos abaixo. No próximo ano, estaremos focalizando lá todas as terças-feiras das 9h30 as 11h00, a partir do dia 12/01.


video

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Danças de Natal no Parque do Piqueri


Venha dançar com a gente nesta preparação para o Natal!

Domingo, 20 de dezembro, das 10h30 as 12h00

As danças circulares são, em sua maioria, danças folclóricas de diversos povos. São consideradas uma meditação em movimento, e têm diferentes objetivos, tanto terapêuticos, com benefícios mentais e físicos, quanto como atividade de relaxamento, diversão e integração de grupos.

Atividade gratuita, aberta a pessoas de todas as idades.

O Parque do Piqueri fica na R. Tuiuti, 515, Tatuapé







quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Domingo tem Danças Circulares no Piqueri!

No próximo domingo, dia 6 de dezembro, das 10h30 as 12h00, estaremos novamente no Parque do Piqueri . Não perca!
Atividade gratuita.
Local: Parque do Piqueri - R. Tuiuti, 519, Tatuapé. Na alameda principal, em frente ao prédio da administração.

domingo, 4 de outubro de 2009

Parque do Piqueri - Comemoração do Dia das Crianças

Em comemoração (adiantada) ao Dia das Crianças, dançamos para despertar nossa criança interior, nossa instância mais criativa, curiosa e alegre. Clique na imagem abaixo para ver as fotos:

video

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

21 de setembro - Roda pela Paz


21 de setembro – 19 horas

Inauguração
do prédio da PSICOLOGIA

Venha participar da INAUGURAÇÃO DO NOVO PRÉDIO DA PSICOLOGIA, comemorando o Dia Mundial da Paz

Universidade São Marcos – Curso de Psicologia Tatuapé
Rua Coelho Lisboa, 439
21/09, segunda-feira, às 19h – Piso Superior

Venha de branco e entre na roda para dançar pela paz!

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

DANÇAS CIRCULARES NO PARQUE DO PIQUERI


A partir de 20 de setembro, domingo, das 10h30 as 12h00, no Parque do Piqueri - Rua Tuiuti, 515, Tatuapé, São Paulo. As danças ocorrerão na alameda central, em frente à Administração, nas seguintes datas, sempre no mesmo horário (10h30 as 12h00):
20/09
04 e 18/10
08 e 22/11
06 e 20/12

Venha comemorar o início da Primavera e fazer parte da nossa roda!
Atividadade gratuita, não é necessário fazer inscrição.

Focalizadoras: Dagmar R. Babo, Maria Angelica Rente Basso e Tatiana Bigoto.


Exibir mapa ampliado

VIII EBDCS - novo vídeo de Ray Price

quinta-feira, 25 de junho de 2009

VIII Encontro Brasileiro de Danças Circulares Sagradas

O VIII Encontro Brasileiro de Danças Circulares Sagradas, organizado por Renata Ramos, Andrea Leoncini e Sonia Yamashita Lima, aconteceu entre os dias 10 e 14 de junho, no hotel Rancho Silvestre, em Embu das Artes, SP. O encontro, cujo tema foi "O poder da transformação", reuniu mais de 250 pessoas (a Dag e eu, entre elas), e teve oficinas belíssimas, como a de Danças Celtas, com Ray Price, do país de Gales; Danças Gregas, com Paulo e Selma Sertek, de São Paulo; e de Danças Italianas, com Fátima Aguirre Ramos, do Espírito Santo. Outro ponto alto foram os bailes, com diversos focalizadores trazendo lindas danças para todos. A organização, como sempre, foi impecável, com o pessoal do apoio se desdobrando pra que tudo desse certo. Clique aqui para ver as fotos.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Início de novos grupos na Universidade São Marcos

No dia 07 de maio daremos início a novas rodas de dança, que ocorrerão todas as quintas-feiras, das 11h30 as 12h30 e das 17h45 as 18h45. As atividades são gratuitas e abertas para a comunidade em geral.
Venha dançar com a gente!

Local: Universidade São Marcos, campus Tatuapé - R. Coelho Lisboa, 334 (Silvio Romero Plaza Shopping). Manhã: Sala 5 vermelha, 1º andar. Tarde: boulevard, próximo ao elevador.

Para mais informações, ligue 2225-1812/9245-1822 (Angelica), 2651-0376/9108-4622 (Dag), ou envie um e-mail para angelica@arte-terapiasexpressivas.com.br.

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Uma breve história das Danças Circulares Sagradas

Fra Angelico - Paraíso (1432-1435)

Louvada seja a dança, que tudo exige e fortalece: saúde, mente serena e uma alma encantada.
Aurelius Augustinus (Santo Agostinho)


Dançar é uma das manifestações humanas mais antigas. Em sítios arqueológicos é possível ver pinturas rupestres representando rodas de dança, que, provavelmente, tinham caráter ritual e de congregação. Mais tarde, as ocasiões especiais, como casamentos, nascimentos e mortes, eram honradas e comemoradas com danças, que também eram utilizadas pelos povos para comunicar-se com seus deuses e agradecer as boas colheitas, pedir por chuva ou pelo fim de uma epidemia, por exemplo.


São essas danças ancestrais a origem das Danças Circulares Sagradas. Nos anos 1960, o bailarino e coreógrafo alemão Bernhard Wosien, após uma longa e bem sucedida carreira no ballet, passou a dedicar-se à pesquisa e ensino das danças tradicionais dos povos. Em 1976, Wosien, já com mais de 60 anos, foi convidado a ensinar essas danças aos residentes da Comunidade de Findhorn, na Escócia. Sua visita inaugurou o movimento da Danças Circulares Sagradas, tal como o conhecemos hoje.


Bernhard Wosien

No Brasil, o pioneiro das Danças Circulares Sagradas foi o mineiro Carlos Solano Carvalho, que havia residido em Findhorn durante seis meses. O Centro de Vivências Nazaré, em São Paulo, comunidade criada nos moldes de Comunidade Findhorn, deu início às rodas de dança em 1987, com base no material didático desenvolvido por Anna Barton e publicado pela Fundação Findhorn, e em vivências feitas com Solano. O movimento tomou força no ano de 1995, ano em que Renata C. L. Ramos (de São Paulo), Carlos Solano e Sirlene Barreto (da Bahia) organizaram a vinda de Anna Barton, a focalizadora de Danças Circulares Sagradas em Findhorn, para ensinar as Danças no Brasil.

Hoje, as Danças Circulares Sagradas encontram-se cada vez mais disseminadas pelo nosso país, através do trabalho de focalizadores nas diversas regiões. Seu poder de integração e de resgate do sagrado na vida cotidiana fez com que as Danças passassem a ser utilizadas em diferentes contextos, entre eles o educacional, o corporativo e o da saúde. Desde 2002, realiza-se anualmente, em São Paulo, o Encontro Brasileiro de Danças Circulares... Sagradas, organizado por Renata C. Lima Ramos, Andrea Leoncini e Sonia Yamashita Lima, que reúne pessoas de todo o país, e proporciona uma intensa troca de informações e o contato e aprendizado com focalizadores vindos de diversas partes do mundo.

Referências:

RAMOS, Renata Carvalho Lima. Danças circulares sagradas: uma proposta de educação e cura. São Paulo: Triom, 2002.

WOSIEN, Bernhard. Dança: um caminho para a totalidade. São Paulo: Triom, 2000.
 
Creative Commons License
O logotipo (mandala) Dança de Roda by Maria Angelica de Melo Rente Basso is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.